branding jurídico

Compartilhe com os amigos

O mercado tornou-se centrado no consumidor, com isso as empresas precisam fazer com que as pessoas se interessem pelo seu produto ou serviço oferecendo uma abordagem personalizada e a eficácia do Business Intelligence (BI).

Esse termo significa inteligência de negócios, e é uma ferramenta essencial para analisar resultados e assim tomar decisões mais assertivas.

O conceito de business intelligence começou a ganhar notoriedade no final da década de 1950, mais especificamente em 1958, quando o cientista Hans Peter Luhn publicou um artigo sobre os sistemas computacionais da IBM.

O título foi “A Business Intelligence System”, que se traduz em “Sistema de Inteligência de Negócios”.

Ou seja, basicamente descreve um sistema automatizado cuja finalidade é disseminar informações para os mais diversos setores, como uma empresa industrial de maquinas e equipamentos para industria alimentícia ou comercial como loja de roupas.

Desde então, a pesquisa de Luhn ganhou novas explicações e respaldo. Hoje, a inteligência de negócios é uma ferramenta essencial nas estratégias de marketing para melhor orientar as escolhas das empresas.

Neste artigo vamos discutir como a inteligência de negócios pode ser muito interessante para sua estratégia de marketing.

Como funciona a inteligência de negócios?

A Business Intelligence envolve a coleta de dados e a organização, análise, interpretação e monitoramento das informações de uma empresa para verificar se as atividades e os investimentos estão dando bons resultados.

Por exemplo, um negócio de aluguel de galpão preço envolve muitas questões burocráticas, incluindo legislação, regulamentos de financiamento e contratos de aluguel.

Por isso a empresa possui um banco de dados com todas as informações sobre cada programa para que tudo seja feito de forma legal.

Com inteligência de negócios as empresas desse mercado de aluguel de galpão, bem como todas as empresas de diversos nichos, podem usar relatórios para entender quais campanhas são bem-sucedidas e quais estão falhando, e claro, o porquê disso.

Dessa forma, fica mais fácil entender qual é a falha e o que você pode fazer para corrigi-la.

Como tal, a inteligência de negócios pode ser aplicada a várias atividades, por isso é considerada um conjunto de processos projetados para entregar as informações corretas ao departamento certo.

De um modo geral, a inteligência de negócios pode ser resumida como:

  • Coleção de dados;
  • Organização da informação;
  • Análise de relatórios;
  • Mensuração de investimento;
  • Monitoramento de dados.

Ou seja, com isso temos que o BI se aplica a uma ampla gama de operações. Essa estratégia pode ser vista, por exemplo, ao analisar um sistema de montagem de rack cabeamento estruturado e outros aspectos e dados do sistema.

Vale ressaltar que a inteligência de negócios faz parte do processo de inovação de uma empresa, pois conta com a integração de ferramentas técnicas como software, armazenamento de dados e sistemas de análise.

Atualmente, as empresas que utilizam a inteligência de negócios conseguem se destacar no mercado principalmente pelas tomadas de decisão assertivas e objetivos ótimos de investimento.

Em um mundo cada vez mais competitivo e exigente, escolher a inteligência de negócios pode ser garantia de sucesso.

Como aplicar o BI na estratégia de marketing?

Business Intelligence não é apenas se destacar da concorrência, é uma forma de controlar despesas e direcionar melhor as campanhas, principalmente quando se trata de marketing.

Hoje, os clientes procuram cada vez mais conteúdo personalizado para atender às suas necessidades.

Por exemplo, não faz sentido oferecer pão francês congelado para assar para compradores que não são donos de padaria ou negócios alimentícios, ou empreendedores que não estão interessados ​​nesses produtos.

Nesse sentido, temos que pensar que, mesmo que você queira abrir novas possibilidades, é necessário despertar o desejo por um determinado produto ou serviço.

No caso de um microempreendedor que fornece pães para assar, o ideal seria enfatizar as vantagens de ter pão de forma integral valor sempre prontos na padaria, reduzir as pendências e falta de pães quando o consumidor for comprar.

Nesse sentido, a inteligência de negócios aparece como um processo eficaz de gerenciamento de mensagens de marketing para desenvolver campanhas personalizadas com base no público-alvo de uma empresa.

A inteligência de negócios fornece o conhecimento da infinidade de dados que são críticos para a tomada de decisões e também pode verificar o desempenho de uma empresa no mercado (se é possível sobreviver, se são necessários novos investimentos).

Isso se deve em grande parte à riqueza de informações disponíveis que podem ser visualizadas:

  • Volatilidade das vendas;
  • Produtos e serviços que os clientes gostam;
  • O melhor momento para vender algo;
  • Os produtos e serviços mais rentáveis.

Confira as dicas abaixo para incorporar o business intelligence à sua estratégia de marketing.

Escolha o melhor software de análise de dados

A implementação de uma solução de análise, conhecida como análise de dados, é o primeiro passo para iniciar uma estratégia de marketing baseada em inteligência de negócios.

Na prática, isso significa escolher um software automatizado para validar dados dos principais canais de marketing, principalmente online.

Dessa forma, são visualizadas informações de e-commerce, sites, redes sociais e outras páginas da web.

Por exemplo, um site de uma empresa especializada em transplante de árvores pode coletar informações sobre o número de usuários que visitaram o site, o tempo que ficaram em cada página e até de onde vem esses usuários e quantos finalizaram suas compras.

Assim fica mais fácil saber em quais canais investir em marketing. No exemplo anterior, se a maioria dos usuários conhecesse o produto por meio das redes sociais, seria interessante planejar uma estratégia de conversão de usuários por meio desses meios.

Analise dashboards para interpretar bem os dados

Interpretar grandes quantidades de dados é realmente difícil, especialmente quando as informações são misturadas. Por esse motivo, muitos softwares de análise possuem painéis com gráficos e números para ajudar a interpretar os dados de forma mais objetiva.

Portanto, se uma empresa despachante aduaneiro comércio exterior deseja verificar quantos empresários em uma determinada área, seja um bairro ou cidade específica e até pais, estão interessados em seus serviços, pode ajudar a visualizar e simplificar a análise.

Além disso, alguns relatórios de software de análise são integrados a painéis. De posse desses recursos, é possível definir quais KPIs, que são indicadores e métricas que a empresa pode utilizar com base nos objetivos do negócio.

Por exemplo, se o objetivo de uma empresa especializada em admissão temporária de máquinas usadas é aumentar o tráfego do site, os relatórios analíticos podem dar uma ideia do que você pode fazer para atingir esse objetivo.

Crie um perfil geral de consumidor

A inteligência de negócios é uma excelente maneira de obter informações sobre o comportamento do cliente em potencial.

É necessário coletar dados sobre o público-alvo ou persona, que é basicamente um conjunto de características da maioria dos consumidores.

Por exemplo, quem está interessado em serviços de maquiagem de casamento? Certamente são noivas e familiares das noivas que querem garantir uma boa maquiagem no dia do casamento.

Esses dados informativos não chegam através de análises de achismo e sem critérios, mas através de uma análise criteriosa de dados através dos dashboards disponíveis. Portanto você pode definir seu público-alvo usando os seguintes fatores:

  • Desejo do consumidor final;
  • Gênero;
  • Idade;
  • Profissão;
  • Salário médio ou rendimento anual;
  • Hobbies;
  • Dores e desejos.

Com todos esses dados, as equipes de marketing podem planejar campanhas personalizadas para os públicos-alvo, identificar o comportamento dos clientes e entender como orientá-los no processo de compra.

Identifique riscos e oportunidades

A inteligência de negócios também pode ajudar as empresas a identificar riscos e oportunidades no mercado.

Imagine que foi desenvolvido um produto de alta tecnologia e sua empresa precisa de equipamentos para organizar o processo de vendas.

Dados corporativos como capital investido e lucratividade podem ajudar os gerentes a determinar se o processo de vendas está sendo efetivo e quais as oportunidades que a empresa tem ou não com esse novo produto.

Com isso, as taxas de risco podem ser evitadas e os investimentos são mais bem direcionados para que as empresas saibam quando o ideal é economizar ao invés de investir.

Mensuração de resultados campanhas de marketing

Com a ajuda do software de inteligência de negócios, qualquer empresa pode monitorar, analisar e planejar facilmente o sucesso das campanhas de marketing, bem como observar qual promoção de marketing seus clientes estão reagindo melhor.

Usando os dados analisados ​​do sistema de inteligência de negócios é possível, sem dúvida, maximizar a receita retornada de cada campanha de marketing.

Pode-se ainda otimizar o processo de vendas e marketing identificando melhor a oportunidade de aumentar o crescimento e as vendas.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Postagens que podem ser do seu interesse

Não vá embora ainda!
Descubra nossas ofertas exclusivas antes de partir!

Preencha o formulário abaixo para receber a oferta!

Obs.: NÃO ENVIAMOS SPAM

Precisa de Ajuda? Converse Conosco