Qual a diferença entre busca orgânica e links patrocinados

Compartilhe com os amigos

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Qual a diferença entre busca orgânica e links patrocinados?

Nos tempos atuais, é muito comum quando há alguma dúvida simples ou complexa ouvirmos: “dá um Google aí!”. É perfeitamente normal o cotidiano de pesquisa nos principais motores de busca, por isso é tão importante saber o que é busca orgânica e links patrocinados.

 

Pensando apenas nos nomes, qual estratégia será que é melhor para os esforços de marketing do seu negócio?

 

Os milhares de resultados que aparecem na página de pesquisa na internet, quando você busca algo, tem tudo a ver com esses dois conceitos e a forma que você usa eles também influencia.

 

Se sua empresa que instala tela de proteção, por exemplo, tem o objetivo de adquirir maior presença virtual, entender a diferença entre pesquisa orgânica e paga e como esses conceitos podem ser aplicados em sua estratégia de marketing é fundamental. 

 

Continue lendo para aprender mais sobre os fundamentos de cada conceito e como você pode usar ambos para direcionar mais tráfego para o seu site.

Busca orgânica e links patrocinados: qual a diferença?

Você deve estar se perguntando qual é a diferença entre esses dois termos tão falados no marketing. Então, vamos saber o que é cada um. Os resultados de uma busca orgânica no Google são os que vêm de forma natural, sem nenhuma influência paga. 

 

O algoritmo do motor de pesquisa analisa todas as páginas da web relacionadas com as palavras e frases que você colocou na busca e, através de uma análise de boas práticas, conhecidas como SEO, de cada página, é feito o ranqueamento dos conteúdos na SERP. 

 

SERP nada mais é do que a interface de busca dos mecanismos de pesquisa e a página onde aparecem os resultados. 

 

Nas páginas são conferidos vários atributos que vão de acordo com uma excepcional  experiência do usuário, como título, subtítulo, tags, links embutidos, referências externas de outros sites, autoridade do site, etc. 

 

Para otimizar as páginas a fim de aparecer nas posições de maior destaque, que são as da primeira página da SERP, é preciso conhecer mais a fundo as técnicas de SEO, que mencionamos há pouco. 

 

Porém, é importante dizer que as técnicas básicas de SEO não são tão complicadas de implementar. 

 

Há muitos profissionais habilitados, empresas que podem fazer esse serviço ou, se preferir, há diversos cursos gratuitos para se aprofundar nessa estratégia tão benéfica para as buscas orgânicas. 

 

Uma coisa para se ter em mente é o tempo destinado para ver bons resultados na busca orgânica, que normalmente demora meses para ver alguma melhoria significativa nas pesquisas e nos ranqueamentos de classificações de página dos seus conteúdos.

 

Então, a busca orgânica é uma estratégia de maior maturação e conhecida por ser de longo prazo. Agora que conhecemos as buscas orgânicas, é hora de saber mais sobre os links patrocinados, que nada mais são do que as buscas pagas, ao contrário da busca orgânica. 

 

Os links patrocinados são, basicamente, anúncios pagos por empresas que fazem, por exemplo, serviço de limpeza e conservação empresas, com o objetivo de superar os resultados orgânicos da maneira mais rápida possível, ao contrário do método orgânico, que, como vimos, vem com resultados mais de longo prazo. 

 

A grande diferença entre os dois conceitos é o pagamento e o espaço de tempo para se obter resultados para companhias, como empresas de demolição em SP, que precisam de crescimento digital.

 

Enquanto no orgânico, você não precisa essencialmente pagar nada para conseguir bons resultados em um certo tempo, a busca paga, via links patrocinados, tem o intuito de conseguir medir resultados de forma mais instantânea. 

 

Assim, os profissionais de marketing, ao escolherem fazer uma campanha paga de anúncios com links patrocinados, investem dinheiro para se postarem acima dos resultados orgânicos. 

 

Ou seja, assim que a pessoa faz a busca, o link praticamente aparece logo quando se atualiza a página, como primeiras opções, o que, teoricamente, confere mais cliques e, portanto, maior conversão. 

 

Importante dizer que para anúncios exibidos no Google, os profissionais de marketing usam a ferramenta conhecida como AdWords para criar anúncios.

 

Na página de entrada do Google ,é possível diferenciar os anúncios pagos  dos orgânicos por causa de alguns elementos visuais. Os links patrocinados geralmente já aparecem nas primeiras posições, de forma destacada e com rótulos dizendo “Anúncio”.

 

Já que há um custo direto envolvido nos links patrocinados, é importante entender a estratégia e saber exatamente o quão caro ou barato está sendo a sua atração de leads. E isso é possível metrificar com a metodologia de Pay per click, ou, custo por clique. 

Vantagens da busca orgânica

De forma geral, quando você está nas primeiras páginas do Google, quer dizer que a busca orgânica do site da sua empresa de limpeza em clinicas, por exemplo, deu certo, em termos de fluxo, e também que os seus esforços de SEO estão dando resultado.

 

Veja, então, os principais benefícios dessa estratégia. Mas antes disso, saiba os benefícios do SEO:

 

  • Dá ao usuário uma melhor experiência de conteúdo;
  • Fonte de leads gratuita;
  • Maiores taxas de conversão a longo prazo;
  • Resultados de SEO para maior taxa de conversão;
  • Dá credibilidade à marca quando está nas primeiras posições.

Reputação

Ao seguir estritamente as boas técnicas e práticas de SEO nos conteúdos do seu site que vende, por exemplo, furadeira parafusadeira preço, você naturalmente terá reputação e autoridade de página e de domínio, conseguindo assim uma classificação mais alta.

 

Isso é bom porque mostra que o mecanismo de pesquisa olhou para o seu conteúdo e o posicionou como ótimo para uma experiência de usuário, dando confiabilidade ao que está escrito e, consequentemente, à sua marca. 

 

E quanto mais tempo você fica nas primeiras páginas, mais as pessoas vão associando o seu site, que também vende porta de aço de enrolar, como grande referência em determinados assuntos, o que gera um benefício reputacional gigantesco a longo prazo.

Possibilidade de ser gratuita

Embora você possa, sim, ter que contratar alguém especializado e gastar muito dinheiro otimizando a pesquisa orgânica, não é necessário fazer isso para obter sucesso. 

 

Como já dissemos, há grande quantidade de recursos na internet disponíveis para você e sua equipe tirarem o máximo de proveito e irem implementando o SEO aos poucos, a fim de melhorar a busca orgânica. 

 

Apesar da demora, os resultados a longo prazo tendem a valer muito a pena em relação ao esforço empregado pela sua empresa segurança residencial, ou qualquer outra, independentemente do ramo de atuação.

Vantagens dos links patrocinados

Os benefícios da busca orgânica, que vimos há pouco, podem ser combinados com um pouco de investimento nos links patrocinados, ou seja, na busca paga. Saiba os benefícios dessa outra estratégia. 

Os anúncios de pesquisa pagos são bem direcionados

A segmentação dos links patrocinados é um dos principais benefícios dessa estratégia, maximizando as chances de o seu público-alvo ser impactado com uma mensagem mais personalizada e mais assertiva. 

 

As plataformas permitem um nível de personalização que se mostra extremamente vantajoso, mas isso sempre deve ser combinado com um investimento moderado dos recursos, para os leads não ficarem caros demais. 

 

Com os links patrocinados, é possível fazer remarketing. Ou seja, você impacta de forma personalizada e mais atrativa pessoas que já passaram pelo seu site sobre, por exemplo, empresa de empilhadeira

 

Dessa forma, há mais oportunidades para o clique dessa pessoa realmente converter em outras vezes. Os clientes que já estão em sua base também podem ser impactados. E o anúncio pago para eles pode se converter bem, pois eles já têm relacionamento com você. 

Os resultados são mais imediatos

Quando os leads ou potenciais clientes fazem uma busca no Google, por exemplo, os anúncios pagos aparecem primeiro para eles, como você já sabe ao ler a introdução deste texto, certo? Isso é muito vantajoso para sua companhia, porque aumenta o conhecimento da sua marca. 

 

Além disso, as conversões são mais fluidas e naturais com as primeiras posições conseguidas de forma paga, já que a maioria dos pesquisadores costuma clicar nos primeiros links.

 

Mesmo quando não se obtém cliques, o seu conteúdo continua no mais alto posto do buscador, então, quando uma pessoa faz uma busca, permite que a sua empresa seja frequentemente vista e conhecida. 

Considerações finais

Apesar de as estratégias de pesquisa paga e orgânica serem bastante diferentes, a forma mais eficiente de saber qual delas é melhor é extraindo um pouco das duas para encontrar o equilíbrio. 

 

Combinando uma estratégia orgânica com uma paga, a chance de você captar leads de diferentes tipos e qualificações é grande. 

 

Ao otimizar seu site usando as boas práticas de SEO, você garante que o seu conteúdo seja exibido quando as pessoas estiverem pesquisando, de forma orgânica. 

 

Já com as buscas com links patrocinados você consegue captar aqueles leads mais decididos e de forma mais rápida. 

 

A grande dica aqui é: diversifique entre as duas estratégias que você verá grande potencial de valorização dos seus esforços de marketing e no aumento de receitas com uma chuva de conversões, caso você consiga coordenar de forma eficaz essas duas frentes.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Postagens que podem ser do seu interesse