Compartilhe com os amigos

Contar com um negócio sustentável não é só uma tendência global, mas também uma necessidade frente à escassez de recursos naturais e os impactos causados pela exploração predatória.

Dia após dia as preocupações ambientais se intensificam e os resultados da exploração de recursos de forma inconsciente impactam diretamente a sociedade.

São mudanças climáticas, altos níveis de poluição da água, do solo e do ar, com acúmulo de lixo, com cada vez menos áreas verdes e de mata nativa.

São diversas as espécies que se encontram ameaçadas de extinção, o que significa a perda da riqueza biológica e um impacto direto no mundo que conhecemos.

Assim como cada cidadão tem seu papel, uma empresa moderna precisa pensar qual é a herança que pretende deixar para as próximas gerações.

Ter um negócio sustentável é olhar diretamente para o futuro e para a qualidade de sua empresa, uma vez que este conceito alia economia e conservação para a manutenção das atividades econômicas e comerciais. 

Seja qual for o segmento ou o porte de seu negócio, é possível aplicar políticas que visem a redução de poluentes e a preservação de recursos.

Atitudes simples como a adoção de um sistema de aquecimento solar trazem economia, possibilitando a redução do uso de energia elétrica no dia a dia da empresa.

Se você é um gestor que se preocupa com o impacto causado pelo seu negócio, este artigo foi feito para você. Trazemos aqui diversas dicas para tornar qualquer empreendimento mais sustentável. Continue lendo e confira.

O que é um negócio sustentável?

Uma marmoraria São Paulo que tem consciência de seu papel social, ambiental e econômico, além de reduzir gastos desnecessários de recursos, ainda pode ter seu valor de mercado potencializado, uma vez que a sustentabilidade agrega valor ao negócio.

Fala-se em negócio sustentável quando se tem ações e políticas ecologicamente corretas, é socialmente justo e conta com uma economia viável.

Esses são os três pilares da sustentabilidade que incluem a questão econômica, ambiental e social, visando o desenvolvimento justo. Entre as ações que caracterizam o que é um negócio sustentável, podemos frisar alguns pontos, como:

  • O uso racional de recursos;
  • Mitigação dos impactos negativos causados ao meio ambiente;
  • Adoção de políticas responsáveis em relação à comunidade;
  • A busca pelo lucro de forma racional e respeitosa.

São ações com este viés que permeiam um desenvolvimento sustentável, aplicáveis aos mais diversos setores e segmentos, como um fabricante de equipo microgotas e demais equipamentos, até o setor hospitalar em si.

Como pode ver, desde a produção de equipamentos, sua distribuição e comercialização final, assim como a prestação de serviços são pontos a serem considerados. 

9 dicas de sustentabilidade para seu negócio

Agora que você entendeu o que é um negócio sustentável, confira as 9 dicas que trouxemos para implementar a sustentabilidade na rotina do seu empreendimento.

  1. Siga as leis e as normas ambientais

Um fabricante de esfera de aço 6mm, assim como qualquer outro, deve seguir a risca leis e normas ambientais, como a ISO 14001 e Lei Nacional de Resíduos Sólidos.

Dessa forma, sua empresa se assegura contra multas e problemas legais, além de melhorar a imagem perante a sociedade.

  1. Preze pela transparência

Todo empreendimento conta com um impacto social no meio que está inserido, e esta deve ser uma preocupação constante.

Ao prezar pela transparência das práticas e atividades de sua empresa de instalação de 2 eixo direcional, automaticamente se cria uma relação de confiança com o consumidor.

A conexão gerada favorece ainda a fidelização de clientes, trazendo apenas pontos positivos para seu negócio.

  1. Elimine os pontos de desperdícios

Avalie criteriosamente a infraestrutura de sua organização com o objetivo de detectar possíveis pontos de desperdício de recursos, como vazamentos de água e o funcionamento inadequado da rede elétrica.

Eliminar problemas como estes reduz custos além de trazer mais eficiência para sua empresa. Visando a economia de recursos é possível pensar na estrutura para melhor aproveitamento da luz do dia, como paredes claras e janelas grandes e bem posicionadas.

Optar por tinta pisos e quadras de alta qualidade também é um excelente investimento, pois se evita a necessidade de manutenção constante do local.

Ambientes com pouca circulação também podem ser otimizados com sensores de presença, evitando desperdícios com a iluminação desnecessária de áreas que não estão em uso.

  1. Aplique práticas de consumo consciente

Implemente no dia a dia de sua empresa uma cultura organizacional que vise o consumo consciente de recursos por toda a equipe.

Em relação ao consumo de energia elétrica, algumas ações simples podem trazer grandes economias, como usar lâmpadas de LED, mais eficientes e que consomem menos energia.

Manter os eletroeletrônicos desligados da tomada após o expediente e usar o ar-condicionado com moderação também fazem toda a diferença.

Investimentos em energia mais limpa, como a solar ou a eólica, trazem economia a médio e longo prazo. Da mesma forma, alguns investimentos para o consumo consciente da água são importantes.

Um sistema eficiente de captação de água da chuva para a limpeza do local e o uso de torneiras automáticas e reguláveis são pontos-chave para uma grande economia.

  1. Opte por fornecedores sustentáveis

Para tornar um empreendimento realmente sustentável é importante avaliar toda a cadeia de produção, desde a matéria-prima utilizada até a distribuição e transporte de sua mercadoria até o consumidor.

Exija a certificação ambiental de seus fornecedores, afinal é importante cobrar a adequação às normas e leis ambientais que envolvem toda a cadeia produtiva.

Invista em um bom sistema de logística e transporte de materiais, verificando pontos como o balanceamento de pneus, a situação da valvula 34561, principalmente no caso de veículos pesados, pensando na segurança de seus funcionários.

Tente reduzir distâncias ao escolher matéria-prima local também, o que traz mais eficiência logística e ainda incentiva a economia da região.

  1. Implemente a coleta seletiva

Outra melhoria voltada para a cultura organizacional de sua empresa é a implementação da coleta seletiva de resíduos. Ao separar o lixo em categorias, facilita-se o processo de destinação de resíduos, pois cada tipo conta com um destino diferente.

Categorias como vidro, metal, plástico, papel e lixo orgânico são uma forma eficiente de separação. Atitudes assim implementadas no ambiente de trabalho podem ser expandidas para as residências e comunidades dos funcionários, criando um impacto ainda maior.

  1. Recicle o que for possível

Reciclar significa transformar o que seria descartado em um novo produto ou insumo. Avalie cautelosamente sua cadeia de produção, assim como os resíduos gerados para implementar a reciclagem em seus processos.

Isto reduz a quantidade de lixo gerado, assim como seu acúmulo no meio ambiente, reduzindo o impacto causado por sua atividade.

A reciclagem é uma forma de colaborar com a saúde pública, reduzindo a contaminação do solo, da água e do ar, além de gerar emprego e renda.

  1. Treine seus colaboradores

Ao aplicar ações e políticas sustentáveis em sua empresa de acoplamento elástico de pinos é importante garantir o engajamento de todos os colaboradores, garantindo a eficiência dos processos adotados.

Para isso, invista em treinamentos para toda a equipe, principalmente para cargos de liderança, estimulando assim a governança corporativa.

Treinamentos e capacitação de funcionários melhoram o relacionamento interno, aumentam a produtividade e fortalecem sua cultura organizacional.

  1. Adote metas de crescimento

Trace os objetivos e metas para o desenvolvimento do seu negócio, sempre visando a economia de recursos e a otimização dos processos.

Com metas bem definidas e realistas, torna-se simples medir o desempenho de seus colaboradores, tendo direcionamento para melhorias e novas implementações.

Faça o monitoramento contínuo de suas metas, adicionando novos desafios de acordo com a evolução de sua organização, assim como fazendo os ajustes necessários com base na realidade de seu negócio.

Considerações finais

Ao falarmos de um negócio sustentável tratamos da eficiência dos processos e da economia de recursos, além de trabalhar a favor da imagem da companhia. A cada dia o consumidor valoriza mais ações sustentáveis e políticas de respeito ao meio ambiente.

Utilize a tecnologia a favor do seu negócio sustentável com um eficiente sistema de controle e gestão da empresa, o que facilita na identificação de oportunidades e pontos de melhoria.

As 9 dicas que trouxemos neste artigo trazem benefícios para sua empresa, para seus colaboradores, para o meio ambiente e para a sociedade.

Estabeleça metas de crescimento com base em uma economia sustentável, sempre visando o melhor aproveitamento dos recursos.

Adotando medidas que acabem com os desperdícios e otimizando processos, sempre pensando no que é compatível com a sua realidade, tem-se o aumento da produtividade e do valor da sua empresa.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Postagens que podem ser do seu interesse

Abrir WhatsApp
1
Fale Conosco
Olá;
Podemos ajudar? Clique no BOTÃO ABRIR para falar conosco pelo WhatsApp