conversão de leads

Compartilhe com os amigos

O marketing de conteúdo possibilita criar um ambiente imersivo para que potenciais clientes possam descobrir como seu produto ou serviço solucionará problemas ou atenderá seus desejos, assim, abrindo espaço para a conversão de leads.

Essa estratégia é utilizada para poder levar os clientes a tomar decisões de compra. Ela é também uma forma de engajar seu público e aumentar seu número de clientes com base na criação de conteúdo relevante.

Ela, portanto, atrai, envolve e cria valor para o público de uma marca. Além disso, é importante reforçar que esse método constrói uma percepção positiva da sua marca e gera mais negócios para sua empresa.

É visto mais como um investimento estratégico para alcançar mais sucesso nos negócios. Uma empresa de projetos elétricos, por exemplo, ganha mais relevância, visibilidade online e reconhecimento ao utilizar dessa técnica em seus negócios já consolidados.

Aplicar essa estratégia, no entanto, pode ser desafiador. Hoje, estar na internet não é suficiente. A questão, agora, é como estar online, ser visto e relevante para o público. Este é o objetivo do marketing de conteúdo.

Se você optar por trabalhar com marketing de mídia social, precisará de conteúdo relevante. A mesma coisa acontece quando você escolhe email marketing ou blogs corporativos: você sempre precisará do conteúdo.

Os maiores especialistas do mundo concordam que o conteúdo é rei. Ao usá-lo, você pode atingir alguns tipos de objetivos diferentes de várias maneiras, como ensinar às pessoas como usar seu produto ou serviço para resolver seus problemas.

É preciso lembrar que hoje as pessoas têm o poder de escolher qual conteúdo vão consumir. Elas estão imersas em um mar de informações e você deve dar a elas as melhores opções se quiser que escolham sua marca.

Nesse ponto de vista, o exercício de convencimento que tem como origem os interesses do cliente para criar uma relação está além do processo de conciliação para venda. A intenção é conquistar a confiança do consumidor para oferecer o produto apenas em um segundo momento.

Uma empresa de portaria e limpeza que utiliza os propósitos acima para polir o posicionamento de marca, consegue construir autoridade, ser encontrado por potenciais clientes e também gerar mais vendas.

Nesse contexto, o marketing de conteúdo é inovador pois ele se propõe a oferecer um exercício inverso: a marca cria um material relevante de modo que os clientes interessados as procurem (marketing passivo), em vez da empresa procurar o cliente (ativo). 

Quais são os benefícios dessa ação?

O conteúdo que você cria e oferece aos seus clientes não é apenas útil, ele transmite uma mensagem essencial para os alvos certos, no momento certo que eles precisam.

Ele vai superar as expectativas e vai te transformar em uma autoridade sobre aquele assunto, gerando valor para você e seu público. Foi desse modo que uma empresa de administração de obras se destacou entre suas concorrentes.

Além disso, ele pode ajudar as pessoas a encontrar sua empresa em meio a uma quantidade de informações disponíveis online. Conteúdos relevantes chamam a atenção nas redes sociais, fazendo com que mais pessoas acessem seu site.

Quando você fornece ao seu público conteúdo relevante e útil, eles possivelmente compartilharão com seus amigos e seguidores. E isso não é tudo: as pessoas vão interagir com o seu conteúdo de outra forma também, como deixando comentários e reagindo.

Assim, isso gerará uma percepção positiva da marca e poderá educar o mercado sobre seus produtos e serviços. O marketing de conteúdo é capaz de ensinar ao público que sua solução existe e como ela funciona.

Foi o que aconteceu com uma empresa de locação de geradores. Através da publicação de conteúdo relevante, ela foi capaz de aumentar as vendas de seus produtos a escolas que sofriam com a falta de energia na região.

A maioria das pessoas às vezes não sabem a quem confiar a solução de seus problemas. Entretanto, uma empresa que aposta em conteúdo ganha maior cobertura, alcançando cada vez mais consumidores, mas direcionando-os de forma mais eficaz.

Objetivo 1: gerar mais leads

O objetivo mais importante do site ou blog é a geração de leads. Faz parte da estratégia que levará à venda, uma vez que cada lead é um cliente em potencial.

Um lead é uma pessoa que visita seu site ou blog e esse acesso se converte em um formulário, que deixa algumas informações sobre ele. Quanto mais informações você tiver, fica mais fácil saber se o lead será adequado ou não.

Você pode converter os conteúdos de marketing digital em leads – em especial, marketing de conteúdo –, oferecendo atrativos que os estimulam a deixar informações úteis para fechar um negócio.

Quanto mais você gerar leads, melhores serão as chances de vender. Pesquisas afirmam que o marketing de conteúdo custa menos do que o marketing tradicional e gera 3 vezes mais leads.

Caso opte por utilizar essa estratégia, você poderá oferecer conteúdos como webinars e livros digitais em troca de pessoas interessadas neles. 

Uma distribuidora de rolamentos pode disponibilizar um formulário com informações sobre a marca, ao mesmo tempo em que solicita informações sobre o cliente em troca. A ideia é que os ganhos sejam para os dois lados, uma situação ganha-ganha.

Para a distribuidora, por sua vez, os ganhos envolvem descobrir quais contatos estão mais próximos ao momento de decisão de compra para que possam ser abordados pela equipe de vendas.

Nesse sentido, as atualizações de conteúdo são informações valiosas oferecidas em troca do endereço de e-mail de um visitante. Ao contrário das iscas digitais genéricas que alguns sites possuem, as atualizações de conteúdo são específicas para o conteúdo da página ou postagem que seu visitante já está lendo.

Objetivo 2: reduzir o Custo de Aquisição de Clientes (CAC)

O CAC é uma métrica que indica o custo investido nas áreas de marketing e vendas para adquirir cada novo cliente. O marketing de conteúdo pode ter um CAC menor porque um conteúdo pode atingir um grande número de pessoas.

Assim, além de diminuir o CAC, o conteúdo agrega mais valor ao seu negócio e contribui para ajudar seus clientes sem a necessidade de esforços de sua equipe de vendas, deixando-o livre para focar em uma abordagem mais personalizada e assertiva.

Uma fabrica de cabos eletricos, por exemplo, pode combinar uma campanha de marketing de com influenciadores, conseguindo que seis influenciadores de redes sociais se utilizem de hashtags para aumentar a visibilidade da marca.

Os resultados podem ser espetaculares, como aumento no número de visualizações nas redes sociais da fábrica, além de adquirir novos seguidores.

Objetivo 3: aumentar o valor da vida útil do cliente

O valor da vida útil é o valor total gasto pelos clientes em seu negócio. Isso significa que quanto mais eles comprarem ou quanto mais tempo permanecerem como seus clientes, maior será seu valor vitalício.

Se você oferecer conteúdo relevante e útil para seus clientes , você os manterá por mais tempo em sua base. 

Os clientes de uma empresa de box de banheiro podem se sentir importantes ao perceberem que sua marca continua pensando em como ajudá-los a resolver seus problemas, mesmo depois de fecharem um negócio.

Como criar uma estratégia de Marketing de Conteúdo?

O primeiro passo para criar um bom conteúdo é entender com quem você está falando. Isso demanda que seja criado de uma persona com todas as qualificações do seu público-alvo.

Uma fabrica de refletores deve rastrear todos os problemas que sua persona tem, cruzando essas informações com o que ela poderia oferecer como solução. Essa estratégia resulta em um conteúdo que responde às suas dúvidas e cria um vínculo entre a marca e o público.

Essa persona, na realidade, tem nome, classe social, história, desejos, problemas, interesses e outras particularidades inspiradas em pessoas reais que compraram de sua empresa.

Após isso, definir e trabalhar em cima da persona, outras ações serão necessárias.

Definir objetivos e KPIs

É essencial definir os objetivos estratégicos e as métricas que usará para verificar se a campanha está alcançando o sucesso. Podemos citar como os objetivos mais comuns:

  • Amplo conhecimento da marca;
  • Aumentar o tráfego;
  • Envolver o público;
  • Aumentar as vendas;
  • Gerar mais leads;
  • Educar o mercado;
  • Criar valor.

Quando você conhece seus objetivos, pode definir os indicadores para segui-los. É a função dos “Indicadores Chave de Desempenho” (KPIs). Eles são métricas a serem utilizadas como parâmetro para monitorar os resultados alcançados.

É essencial que os KPIs tenham relação com os objetivos: se você tem interesse em expandir o tráfego, fique de olho no tráfego do site; se você tem interesse em criar mais leads, vigie a taxa de conversão em seu site; se você tem interesse em elevar o reconhecimento da marca , tenha controle das interações em redes sociais.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos. 

Postagens que podem ser do seu interesse

Abrir WhatsApp
1
Fale Conosco
Olá;
Podemos ajudar? Clique no BOTÃO ABRIR para falar conosco pelo WhatsApp